CBO - Conselho Brasileiro de Oftalmologia

Departamento de Oftalmologia
da Associação Médica Brasileira
Busca

Queimaduras

Queimadura térmica

É causada pelo contato direto dos olhos com fontes de frio ou calor. Geralmente, lesam mais as pálpebras do que o globo ocular. O problema é que a pálpebra queimada sofre retração, o que reduz a proteção dos olhos.

Como socorrer: lavar os olhos com água corrente e procurar um oftalmologista o mais rápido possível.

Queimadura química

As queimaduras químicas podem ocorrer tanto no ambiente de trabalho, para quem lida com produtos químicos, quanto em casa, geralmente através do descuido com algum produto de limpeza. Como medida de prevenção, os produtos de limpeza doméstica, fungicidas e pesticidas devem ficar fora do alcance das crianças e o contato das mãos com os olhos deve ser evitado. No ambiente de trabalho, os equipamentos de segurança devem ser sempre usados.

As queimaduras químicas causam muita dor e podem trazer danos importantes para os tecidos oculares. Por isso, requerem atendimento médico oftalmológico imediato.

Como socorrer: os olhos devem ser lavados com água corrente, por pelo menos 20 minutos imediatamente após o contato com o produto químico. Em seguida, deve-se procurar um oftalmologista, se possível com o nome do produto que atingiu o olho.

Queimadura por solda elétrica

Lidar com solda requer cuidado, pois fixar os olhos na luz produzida por ela sem o uso de óculos de proteção provoca uma queimadura que, apesar de não ser sentida de imediato, pode causar muito desconforto. Sensibilidade à luz, dor intensa, vermelhidão e lacrimejamento são sintomas que podem ser sentidos em até 12 horas após a exposição a este tipo de radiação.

Como socorrer: consulte um oftalmologista para a prescrição do tratamento adequado.